quarta-feira, dezembro 01, 2010

eu e o diabo na noite nublada

para antonio thadeu wojciechowski

a primeira vez que vi o diabo
foi numa esquina da cruz machado
me pediu fogo e perguntou se eu sabia algo do paulo otávio
negativei
então me ofereceu um bola gato por vinte pratas
desconversei e atravessei a rua

a segunda vez que vi o diabo
foi no gato preto degustando uma costela
o diabo se sentou e partilhou minha cerveja
depois sugeriu um programa a cinquenta pratas
negativei
então disse que ia de graça
no motel surtou
insistiu nas cinquenta pratas
depois chorou
se vestiu e disse que já voltava

a terceira vez que vi o diabo
foi no puteiro do deputado
sentou-se para conversar
entretido perdi a carteira
o diabo se levantou
levei umas porradas do garçom
e ele ficou com meu celular

talvez por eu não frequentar mais certos lugares
o diabo nunca mais me aparecera
meu velho o diabo é uma loira
por isso me converti às morenas

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home